Cárie Oculta – melhor investigar…

Manchas nos Dentes – Técnica de Microabrasão
5 de setembro de 2019
ART – Você sabe o que é?
30 de setembro de 2019
Exibir tudo

Cárie Oculta – melhor investigar…

 Atualmente a cárie é classificada como uma 1- Disbiose – que é um desequilíbrio entre os microrganismos já presentes na boca e como 2- Açúcar-dependente, ou seja, necessita também de açúcares  para acontecer. A cárie se manifesta nas várias superfícies dos dentes através de lesões, cujo processo inicia-se com uma mancha branca opaca podendo evoluir até uma  cavidade.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
 A chamada lesão de cárie oculta é aquela que não se consegue ver facilmente a olho nu e/ou também não é diagnosticada no exame clínico intrabucal. Desta forma, nem o paciente e nem o próprios Dentistas conseguem detectar visualmente. Por isso os exames radiográficos ☢️ são tão importantes, pois além de complementarem o exame clínico, favorecem a visualização destes tipos de lesões ocultas.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
 A cárie oculta também é chamada assim, pois muitas vezes ela já começa e se espalha somente na dentina (tecido dental abaixo do esmalte) passando pelas fóssulas e fissuras (ranhuras em cima dos molares) do esmalte sem manchar ou cavitar este, daí ser oculta aos  olhos.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
 Após o diagnóstico correto da lesão, o tratamento indicado é restaurador ou minimamente invasivo. Cabe ao Odontopediatra estabelecer a melhor conduta para cada caso, sempre procurando ser o mais conservador possível.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
⌛️ Os retornos programados das crianças ao Odontopediatra evitam precocemente que essas lesões atinjam a polpa dental (nervo do dente), evitando assim o tratamento endodôntico (canal).
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
#odontopediatriabrasil 

Ajuda? Chat via WhatsApp